Tag Archive: africa

Primeiros dias de trabalho em Angola

O trabalho começou pra valer na quinta-feira. Até então estava apenas correndo atrás de planejamento e pendências, mas agora já estou “botando a mão na massa”. Nessa fase do projeto, tenho trabalhado ministrando aulas de Linux. Uma turma pela manhã e outra à tarde, segunda a sexta-feira.

As turmas são heterogênias: há alguns poucos alunos que, quando questionados “o que era o Google”, escolheram a opção “Novo programa da Microsoft”, enquanto que outros já tem alguma formação acadêmica, incluindo um aluno com certificação Microsoft. No geral, são usuários de nível médio, que tiveram pouco contato com o Linux até agora.

A sala de aula é muito bem equipada. Os computadores são HPs e Dells novos, todos com LCDs de 17″. Temos acesso à Internet, no-breaks, datashow e uma impressora laser. Logo eu providencio uma foto pra postar por aqui. :-)

As primeiras aulas foram bastante agradáveis, com os alunos se esforçando e demonstrando bastante interesse nos assuntos apresentados. A sensação de estar ajudando na formação dos primeiros administradores de sistemas linux do país é muito boa e tem me motivado a fazer o meu melhor.

Espero que o ritmo se mantenha bom pelas próximas semanas e que o conteúdo seja bem absorvido. Como eles falam português, pretendo incentivá-los a acessar listas de discussão, páginas de sites e fóruns brasileiros. Nem todos tem acesso fácil à internet, mas espero que logo logo comecem a aparecer angolanos em nossas listas e fóruns. :-)

Viagem à Angola :: A vinda

Com o chamado “caos aéreo” assolando nosso país, achei por bem ir de Curitiba até São Paulo de ônibus: saí às 06:00hs de sexta-feira, cheguei no terminal rodoviário do Tietê por volta de 12:30hs e de lá peguei um táxi até o Aeroporto Internacional de Guarulhos (cuja corrida custou meros R$ 88,00).

A melhor rota pra se chegar em Angola parece ser via África do Sul, pela South African Airways (SAA). O voo saiu de Guarulhos às 18:10hs – surpreendentemente com apenas 20min de atraso – e chegou em Johannesburgo às 07:20hs de sábado (horários locais). O voo foi tranquilo, com um bom serviço de bordo (jantar e café da manhã).

Embora a África do Sul seja um país bem desenvolvido e tenha um moderno aeroporto, o desembarque foi caótico: havia apenas um raio-X pra todos os passageiros de pelo menos dois voos internacionais que chegaram juntos (mais de 500 pessoas). Não havia qualquer tipo de orientação ou fila. Foi um grande empurra-empurra, cada um por sí.

Outro transtorno foi na hora da partida. Já embarcados, fomos obrigados a aguardar por 1h50m dentro do avião pois houve uma confusão com as bagagens. Decolamos por volta de 11:00hs, chegando em Luanda às 14:10hs.

Quando nos aproximamos de Luanda, o que vemos de cima é uma cidade pouco urbanizada, dominada pela poeira da região que é desértica. Ao chegar no aeroporto encontra-se muito pouco: o saguão se resume praticamente ao balcão de imigração e a fiscalização. É preciso ter alguém lá te esperando, pois não é fácil encontrar locais de descanso, telefones ou táxis.

Algumas dicas pra quem estiver vindo:

  • Se estiver trazendo algum material de trabalho (e.g. livros, apostilas, CDs, etc), evite transportá-lo em caixas. Os sistemas de raio-X são antigos e aparentemente não captam muita coisa, mas caixas chamam a atenção dos fiscais. Traga o máximo de documentação que puder (notas-fiscais, cartas de empresas/órgãos angolanos, etc), pois a burocracia é grande e qualquer pedaço de papel pode fazer bastante diferença;
  • Para informações sobre vistos, moradia, empregos, etc, recomendo a comunidade “Brasileiros em Angola”, no orkut (sim, orkut às vezes é útil!).